Enganoso amor

Querido adolescente,

Como você sabe, cada fase da vida tem suas descobertas. O bebê descobre que consegue andar sozinho. O jovem descobre qual profissão quer seguir. O adulto descobre com quem quer se casar. O idoso descobre como é bom ser avô.

Mas, e na adolescência, se descobre o quê?

Muitas coisas, na verdade. O adolescente descobre que gosta mais de uma matéria, embora estude também as outras. Descobre que gosta mais de um esporte, embora aprecie os outros. Descobre que gosta muito de um amigo, embora não despreze os outros.

Mas de todas as descobertas da adolescência, há uma sobre a qual eu desejo falar com você: a descoberta do interesse amoroso. Quando você era mais novo, nunca parou para pensar sobre um garoto (no caso das meninas) ou sobre uma garota (no caso dos meninos) gostar de você. Não era o tipo de assunto que lhe interessava. Mas, repentinamente (e talvez você nem se lembre quando isso começou), você reparou naquele colega que também não para de olhar para você. Será que gosta de você? Não sei. Mas antes que você se preocupe demais com isso, veja comigo um episódio que aconteceu na vida de dois filhos de Davi.

Em I Samuel 13, a Bíblia relata algo impressionante. Amnon, um dos filhos de Davi, começou a gostar de Tamar, a meia irmã dele. Os detalhes são de encher os olhos. Repare o seguinte:

  • Ele a amou (v. 1);
  • Ele se angustiou por ela (v. 2);
  • Ele ficou doente por causa dela (v. 2).  

Como você se sentiria se descobrisse que um rapaz, ou uma moça, sente estas mesmas coisas por você? Como reagiria se alguém lhe dissesse que aquela pessoa mais legal da escola ama você, se angustia por você e está até mesmo emagrecendo por sua causa (v. 4)? Não sei como você reagiria, mas certamente se sentiria muito lisonjeado. Afinal de contas, qual é a garota ou garoto que não gosta de ser admirado.

Entretanto, o relato da Bíblia não termina com uma linda história de amor entre Amnon e Tamar, nem mesmo com o tão sonhado final feliz. Na verdade, tudo o que se seguiu foi muito triste!

Infelizmente, Amnon se aproveitou de Tamar e abusou dela (vs. 7-14). Não satisfeito com isso, ainda a mandou embora, escorraçada, como se não fosse ninguém de valor (vs. 15-17). Ah, e você lembra daquele amor todo que ele tinha? Pois é, depois que ele conseguiu o que queria, aquele amor se transformou em desprezo: “Depois Amnon sentiu grande aversão por ela, pois maior era o ódio que sentiu por ela do que o amor com que a amara” (v.15).

Você gostaria que lhe tratassem assim? Tenho certeza que não! Então, tome cuidado. Não é porque alguém mostra interesse por você que isto signifique um amor eterno. A melhor forma de se evitar que isto aconteça com você, é evitando namorar agora. Certamente você conhecerá alguém muito especial que lhe amará, casará e cuidará de você. Mas até que isto aconteça, não se deixe levar pela primeira pessoa que tenta lhe galantear.

Pense nisso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *