Cristo se fez pobre – Suas posses

O entusiasmo do escriba logo foi freado pela franca resposta do Senhor: “o Filho do Homem não tem onde reclinar Sua cabeça” (Lc 9:57, 58). As raposas tinham onde morar (seus covis); as aves do céu tinham casa (seu ninho); mas Ele, que criara tanto as raposas quanto as aves dos céus, não tinha propriedades aqui neste mundo.

No começo do Seu ministério, os discípulos puderam descobrir “onde moras” (Jo 1:38, 39), mas não demorou muito até que Ele estivesse vivendo sem moradia certa: pousando na casa de um (Lc 19: 5), hospedando-se em casa de outros (Jo 12:1), sendo servido pelas mulheres (Mc 15:40, 41).

O exemplo do Senhor nos ensina sobre a importância desta verdade: “os que compram”, devem agir “como se não possuíssem”; “e os que usam deste mundo, como se dele não abusassem, porque a aparência deste mundo passa” (I Co 7:30, 31).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *